img { max-width: 100%; height: auto; width: auto\9; /* ie8 */ }

Pesquisar este blog

sexta-feira, 24 de março de 2017

VIÇOSA DO CEARÁ: RICA HISTÓRIA E TURISMO SAUDÁVEL NA IBIAPABA

O Ceará é conhecido no mundo turístico pelo sol brilhante quase o ano inteiro, pela beleza das suas praias e, também, pelo calor humano e hospitalidade que proporciona aos seus visitantes. A capital, Fortaleza, a principal porta de entrada dos visitantes, é nomeada pelas atrações que oferece durante o dia  nos seus xxx de orla marítima, com “points” destacados na Praia de Iracema, na Avenida Beira Mar  e na Praia do Futuro. Durante à noite, uma alegria só nas casas de shows, boates e restaurantes. Não é por acaso que o Pirata é consagrado por oferecer a 'mais louca segunda feira do mundo”. Por seu turno, “sol e praia” predominam também no litoral cearense, não sendo por acaso que, por exemplo, seja Jericoacoara uma das maiores referências mundiais do turismo brasileiro.
OUTRAS REFERÊNCIAS – Não se divulga como devia que o Ceará possui um turismo robusto fora do “sol e praia”. Nas várias regiões do Estado também há atrativos que prendem a atenção dos visitantes de várias tendências, seja por conta da natureza diversificada do sertão e das serras, seja pela cultura peculiar dos municípios, seja pelo turismo religioso consagrado principalmente em Canindé, com o culto a São Francisco de Assis, ou Juazeiro do Norte, que recebe anualmente mais de dois milhões de pessoas devotas do Padre Cícero. 
A CHAPADA – Um dos principais relevos do Ceará está no oeste, sendo o marco limítrofe do Estado com o Piauí. Com subsistemas de Mata Atlântica, Cerrado, Matas dos Cocais, Caatinga, num altitude que chega a 954 m, a Serra Grande ou Chapada da Ibiapaba é um dos mais ricos patrimônios do Estado, com extensão de 5.071,142 km² e riquezas naturais.  Vai do Ipu a Viçosa do Ceará, passando por Tianguá, Ubajara, São Benedito, Ibiapina, Croatá, Guaraciaba do Norte - Carnaubal e e Ipu 
Toda Serra Grande é bastante representativa para a economia cearense, com ênfase na parte da agroindústria e turismo.
VIÇOSA, A PRIMEIRA DA CHAPADA - Bucólica, repleta de atrações naturais, nos seus 740 metros de altitude Viçosa do Ceará é uma das joias de destaque da Serra da Ibiapaba. Natureza como seu nome insinua, clima gostoso em que a cerração das tardes muda a paisagem, população alegre e acolhedora são os atributos que a credenciam como um destino mais do que convidativo. Acrescentam a tantos atributos sua importância histórica. Nos primórdios foi habitada pelos índios tabajaras. Depois, com a chegada dos padres jesuítas, foi aos poucos se insinuando entres os habitantes de toda a Serra. No anos de 1700, os padres Manuel Pedroso e Ascenso Gago, fundaram oficialmente a "Aldeia da Ibiapaba". A 7 de julho de 1759, a Aldeia foi elevada a vila, recebendo o pomposo nome de Viçosa Real da América. Importância e história continuaram na sua trajetória. É a terra do jurista consagrado, Clóvis Beviláqua, e do militar que honrou o Brasil, General Tibúrcio. Ontem e hoje tem filhos ilustres e personalidades que fazem a história. ´Na história da Igreja de Nossa Senhora da Assunção está escrito o grande acervo da colonização do Ceará. 
CONVIDATIVAS CONDIÇÕES DE TURISMO – O município serrano de Viçosa do Ceará, com ares serranos mas também de relevo característico das regiões sertanejas, daí ser conhecido como "região de todos os biomas", é uma atração permanente para turistas de gostos variados, dos que desejam preços convidativos, dos que desejam conhecer histórias, dos amantes, da cultura, do ecoturismo e daqueles que gostam de divertimentos mais chegados à mocidade. Talvez uma semana seja pouco para gozar de tantas delícias para o corpo e para o espírito. Vejamos;
Locais religiosos e históricos-: Igreja Matriz de Nossa Senhora da Assunção, Igreja do Céu, Igreja São Francisco, Teatro Pedro II, Praça Clóvis Beviláqua, Palácio Monsenhor Carneiro, Palacete Paroquial, Casa dos Licores, Casarão dos Rubens e Memorial Clóvis Beviláqua.
Registre-se que da Igreja do Céu, no alto de uma colina, descortina-se ótima visão da cidade e do verde do seu entorno. O complexo está modernamente estruturado, com ambiente para lojas de artesanato, exposições e para shows artísticos. Uma pena que pendência jurídica ainda não tenha sido contornada para que, normalmente, ofereça todas as condições de funcionamento. Não obstante, a beleza do e a estrutura da Igreja do Céu recebe uma multidão, principalmente nos sábados, domingos e feriados.
Passeios e lazer - Poço da Princesa, Cachoeira do Itarumã, Cachoeira da Pirapora, Cachoeira do Engenho Velho, Pedra do Machado, Pedra do Itagurussu, Pilões (Formações Rochosas), Bica do Itacaranha
Lagoa Pedro II e Rampa do Voo Livre.
Eventos -  No mês de julho, estão no calendário turístico do Estado dois já tradicionais. Na pimeira semana, acontece o Festival Mel, Chorinho e Cachaça. Na última, com repercussão nacional, há o Festival Mel, Chorinho e Cachaça, atrai uma multidão de gente de toda as regiões do país. 
Também são motivo de muita movimentação no município de Viçosa do Ceará as seguintes festas eligiosas: de Nossa Senhora da Assunção, padroeira da cidade (15 de Agosto); de Nossa Senhora da Saúde - Vila Manhoso(Lambedouro) (11 de Setembro); de São Francisco (4 de Outubro; Festa de Nossa Senhora da Conceição - Distrito de Quatiguaba (07 de dezembro;de Santa Luzia - Vila Oiticicas(Vale do Lambedouro) (13 de Dezembro); e de Nossa Senhora da Penha - Vila de General TIbúrcio - Distrito General Tibúrcio (07 de setembro).
MEIOS D HOSPEDAGEM -  Em Viçosa do Ceará, o turista encontrará boas opções de hospedagem, com destaque para o Viçosa Hotel de Serra, as Pousadas Nativa e Sítio Ipê, Flat Matriz e Casa Viçosa. Mas há também para aluguel por temporada muitas casas e apartamentos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário