Pesquisar este blog

sexta-feira, 11 de julho de 2014

ACONTECEU O INESPERADO

Para os fenômenos da natureza a ciência vem encontrando meios para superá-los ou amenizá-los. Fato é, porém, que o imponderável supera tudo não se podendo evitar maiores catástrofes. A vida às vezes impõe armadilhas impensáveis. Pois foi um desses momentos impensáveis que atropelou a caminhada do selecionado brasileiro em busca do hexa campeonato mundial de futebol. É para se riscar do nosso calendário o que ocorreu na tardinha de terça-feira última, 8, no Mineirão. A seleção da Alemanha derrotou o Brasil pelo extravagante placar de 7 x 1. Nem mesmo o alemão mais otimista previa que a sua seleção se credenciasse à Final da Copa do Mundo goleando impiedosamente a representação do Brasil, no jogo da semifinal do evento. Dizemos nós:  é quase provável que se acontecessem amanhã ou mais 19 vezes seguidas pelejas entre os dois contendores  placar tão impiedoso não se repetiria contra nossa seleção. Os milhares de expectadores que foram ao Mineirão viram o jogo atípico. Sabia-se que a Alemanha estava mais bem preparada, com jogadores de alta qualidade, chegando à Copa credenciada a ser campeã. Sempre foi uma das seleções favoritas, ao lado da Holanda, da França do Brasil, da Itália e da Argentina. Mas se viu que, depois de vencer Portugal nas Eliminatórias por um escore também elástico, 4 x 0, encontrou dificuldades para superar outros adversários entres os quais a França, nas Quartas de Final. Por seu turno, o Brasil, contando com o elenco que no ano passado fora campeão da Copa das Confederações, vinha superando os adversários de forma difícil, não se mostrando tão confiável. Não empolgou em nenhum jogo que fez, mostrando-se frágil no meio-campo e seu ataque pouco inspirado. Neymar era a referência, mas nem mesmo ele repetia as boas atuações em que se credenciou como um dos melhores do mundo. Posto fora da competição por causa da violência de um colombiano, as coisas ficaram ainda piores, acrescidas do desfalque do zagueiro Thiago Silva, punido com o segundo cartão amarelo. Diga-se, contudo, que mesmo nesta situação, mas com elenco de jogadores destacados no futebol europeu, sua credencial de penta campeão de Copas do Mundo, jogando em casa, não se descartava uma vitória do Brasil sobre a Alemanha. Daí a perplexidade de derrota tão avassaladora. Não se pode reverter o passado. Resta aguardar que amanhã, na semifinal contra a Holanda, atue com altivez e se classifique em terceiro lugar, um título que dezenas de países jamais alcançaram. Um último o desejo nosso é que os nossos conterrâneos não estigmatizem os jogadores da atual seleção, como já o fizeram com goleiro Barbosa até sua morte, visto com muito desdém pelo fato de não defender a bola chutada por Gigghia, autor do tento que tirou o nosso primeiro campeonato mundial de futebol, no Rio de Janeiro, em 1950. O excelente Barbosa em outras situações conquistou honrosos títulos para o Brasil, mas jamais foi perdoado em razão da falha, primeiramente cometida pelo lateral esquerdo Bigode. A ingratidão foi tanta que chegou a ser barrado ao desejar visitar uma concentração de uma seleção brasileira.  Que mundo cão!

REUNIÃO DO BRICS - OS OLHOS DO MUNDO VOLTADOS PARA FORTALEZA

Fortaleza continua como centro de atração mundial. Até domingo, por conta dos jogos da Copa do Mundo de Futebol. Na próxima semana, principalmente na terça-feira, 15, por causa da reunião do BRICS, quando deverão estar na cidade, além dos chefes dos países do Bloco, personalidades importantes de governo e de empresários de várias dezenas de países. 
Os chefes de estado do grupo Brics - potências emergentes da economia global, formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul – reunir-se-ão na próxima semana, nos dias 15 julho,  no Centro de Eventos do Ceará. Também estarão presentes ministros, secretários e empresários do nosso e de outros países.
O encontro do grupo começará no dia 15, na capital do Ceará, e terminará em Brasília, no dia seguinte, com participação de todos os mandatários das nações do Brics e de países convidados da América do Sul.
 PREPARATIVOS  - Uma comitiva do Itamaraty já esteve na capital cearense para reuniões e visitas ao Centro de Eventos do Ceará. O local do evento foi definido em 2013  pela presidente Dilma Rousseff. A previsão de participação é de 750 pessoas, além das representações das cinco maiores empresas de cada um dos cinco países, bancos de desenvolvimento e cerca de 1.500 jornalistas de todo o mundo. A última cúpula do Brics foi realizada em março de 2013, em Durban, na África do Sul. Os encontros precedentes foram  em Ecaterimburgo, Rússia (2009); Brasília (2010); Sanya, China (2011); Nova Délhi, Índia (2012) e Durban, África do Sul (2013). 
Na terça-feira (29) último, na Universidade de Fortaleza (Unifor), houve um  seminário preparatório para a a VI Conferência de Cúpula do Brics, com a presença de   representantes dos países que compõem o Brics - Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul -, bem como de acadêmicos e intelectuais vinculados à área de relações internacionais. A abertura, marcada para as 9h, será feita pelo governador do Ceará, Cid Gomes.
Na sexta-feira (04), no Palácio da Abolição, os Ministros da Defesa, Celso Amorim; e o da Justiça, Eduardo Cardozo, reuniram-se para definir detalhes operacionais e aperfeiçoar a integração das forças armadas e de inteligência estaduais e federais para a realização da VI Conferência de Cúpula do BRICS. Paralelamente à realização da cúpula, acontecerão eventos com autoridades do setor público e privado dos países envolvidos
FORÇA - O peso econômico dos BRICS é certamente considerável. Entre 2003 e 2007, o crescimento dos quatro países representou 65% da expansão do PIB mundial. Em paridade de poder de compra, o PIB dos BRICS já supera hoje o dos EUA ou o da União Europeia. Para dar uma ideia do ritmo de crescimento desses países, em 2003 os BRICs respondiam por 9% do PIB mundial, e, em 2009, esse valor aumentou para 14%. Em 2010, o PIB conjunto dos cinco países (incluindo a África do Sul), totalizou US$ 11 trilhões, ou 18% da economia mundial. Considerando o PIB pela paridade de poder de compra, esse índice é ainda maior: US$ 19 trilhões, ou 25%.
BANCO E FUNDO - Durante a reunião, um dos assuntos mais importantes será a criação de um  banco e um fundo  do Brics, órgãos que não serão competidores do Banco Mundial (Bird) nem do Fundo Monetário Internacional (FMI), mas suplementares a essas entidades, Na linha dos dois órgão estão financiamentos para projetos sustentáveis e de infraestrutura. O banco suplementará o Bird e o  FMI. 
Conforme já se noticiou, a China entrará com US$ 41 bilhões; o Brasil, a Rússia e Índia com US$ 18 bilhões cada; e a África do Sul com US$ 5 bilhões. A presidência do banco, que será rotativa, e a sede serão definidas na cúpula, bem como o conselho de administração e outras questões técnicas. 
PROGRAMAÇÃO EM FORTALEZA - Na  segunda-feira, 14, à tarde,  no Centro de Eventos, em Fortaleza, haverá.  reunião dos Ministros das Finanças e Presidentes dos Bancos Centrais, dos Ministros do Comércio, de Presidentes de Bancos de Desenvolvimento Nacional, Foro Empresarial e do Conselho Empresarial do Brics.
Na terça-feira, 15,  a  partir das 10h da terça-feira, chegarão os Chefes de Estado, em seguida ocorrerá a  primeira reunião de trabalho da Cúpula, À tarde, às 15 horas, serão assinados atos, em  sessão plenária e discurso dos líderes acontecerá às 15h. Um show cultural finalizará  o evento
A partida dos componentes do BRICS para Brasília está prevista par as Às 18horas.

DRUMMOND E COPA

À propósito de Copas do Mundo, o imortal poeta Carlos Drummond de Andrade criou estas duas pérolas:

No Meio do Caminho 

No meio do caminho tinha uma pedra
Tinha uma pedra no meio do caminho
Tinha uma pedra
No meio do caminho tinha uma pedra.
Nunca me esquecerei desse acontecimento
Na vida de minhas retinas tão fatigadas.
Nunca me esquecerei que no meio do caminho
Tinha uma pedra
Tinha uma pedra no meio do caminho
No meio do caminho tinha uma pedra.

Foi-se a Copa? 


Foi-se a Copa? Não faz mal                                       

Adeus chutes e sistemas. 
A gente pode, afinal, 
cuidar de nossos problemas.

Faltou inflação de pontos? 
Perdura a inflação de fato. 
Deixaremos de ser tontos 
se chutarmos no alvo exato.

O povo, noutro torneio, 
havendo tenacidade, 
ganhará, rijo, e de cheio, 
A Copa da Liberdade.

O DNOCS TEM NOVO DIRETOR- GERAL

Anteontem (dia 9), às 15h, houve a transmissão de cargo de Diretor Geral do DNOCS no auditório da Administração Central, em Fortaleza - do antecessor Emerson Fernandes Daniel Júnior para o atual dirigente da instituição, o engenheiro Walter Gomes de Sousa (FOTO). A solenidade contou com a presença de várias autoridades federais, estaduais e municipais, parlamentares e funcionários do órgão. 
O ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira, já havia dado posse ao novo diretor-geral do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs), Walter Gomes de Sousa, em substituição a Emerson Fernandes Daniel Júnior, que deve assumir a presidência da Companhia Docas do Rio Grande do Norte
Walter Gomes de Sousa é engenheiro civil, foi diretor da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern), gerente do Banco Nacional de Habitação (BNH) nos estados do Amazonas, Pernambuco e Rio Grande do Norte e consultor da Unesco na Secretaria de Saúde de Pernambuco

MELHORIAS EM GEOSSÍTIO

A Secretaria das Cidades autorizou duas importantes obras estruturantes no Geossítio Cachoeira de Missão Velha, no Cariri: a pavimentação/sinalização da estrada de acesso e a aquisição de mobiliário/construção de infraestrutura. As ordens de serviços foram assinadas pelo Secretário Adjunto das Cidades, Mário Fracalossi.
A estrada de acesso à Cachoeira tem 4,8 quilômetros. Receberá, além de asfaltamento, serviços de sinalização e drenagem. O prazo de conclusão dos serviços é de seis meses. O investimento será de R$ 3.266.034,59.
 O Geossítio Cachoeira de Missão Velha, que integra o Geopark Arripe, também receberá obras de infraestrutura que vão desde serviços de tarraplenagem, estacionamento e sinalização, até abrigo e mobiliário do local. As obras de infraestrutura têm prazo de execução de dois meses e custarão R$ 157.333,88.

FORTALEZA ENTRE OS DEZ DESTINOS MAIS PROCURADOS

CENTRO DRAGÃO DO MAR DE ARTE E CULTURA
O TripAdvisor revelou as tendências de viagem dos brasileiros com base em pesquisas realizadas pelos usuários do site em março e abril, identificando para onde o turista nacional pretende viajar nos próximos três meses.
Os resultados mostram que os brasileiros estão mais interessados em destinos domésticos (Rio de Janeiro e São Paulo estão no topo da lista dos lugares mais procurados), querem se hospedar em hotéis quatro-estrelas e preferem programas culturais e ao ar livre. Mas também apontam um interesse do turista brasileiro por algumas cidades internacionais e um mix de destinos de verão e de inverno.  
Em termos de popularidade, Rio de Janeiro é o destino mais procurado pelos brasileiros, seguido por São Paulo (SP), que ocupa o segundo lugar. Os Estados Unidos têm dois destinos populares - Nova York (3º lugar) e Orlando (4º). Buenos Aires é a única cidade da América do Sul (5º lugar) e Paris (7º lugar), a única representante europeia. Dois lugares bem conhecidos para desfrutar o inverno no Brasil também aparecem na lista: Gramado (RS), em 6º lugar, e Campos do Jordão (SP), em 9º. O clima quente do Nordeste é um atrativo – Fortaleza (CE) foi a 8ª cidade mais procurada e Natal a 10ª.
Eis a lista os destinos mais desejados pelos turistas nacionais: 1. Rio de Janeiro (Brasil); 2. São Paulo (Brasil); 3. Nova York (Estados Unidos); 4. Orlando (Estados Unidos); 5. Buenos Aires, Argentina; 6. Gramado (Brasil);l7. Paris  (França); 8. Fortaleza (Brasil); 9. Campos do Jordão (Brasil) e 10. Natal (Brasil)

EXPOCRATO E FEIRA DE TURISMO AS GRANDES ATRAÇÕES

Na sua 63ª edição, no Parque de Exposições Pedro Felício Cavalcante, no Crato, será aberta no próximo domingo, 13, a Exposição Centro-Nordestina de Animais e Produtos Derivados (ExpoCrato 2014),  uma das maiores feiras agropecuárias do Brasil. Certamente, o grande evento, já inserido no calendário turístico do Ceará,  mais uma vez será atração centenas de empresários da agroindústria da Região  e, pela sua programação festiva, também de milhares de pessoas. 
Na noite de domingo, autoridades locais e do Estado estarão na abertura oficial. Mas pela manhã haverá uma cavalgada, iniciando em Barbalha, até a praça Filemon Teles, diante do Parque de Exposições,  com cerca de 200 animais, a maioria da raça Mangalarga marchador.
Durante a feira, para  negociações e disponibilidades de financiamentos,  estarão atendendo a Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e Banco do Nordeste. 
PROGRAMA DE ATRAÇÕES - Durante toda a semana, expositores de vários segmentos agropecuário, desenvolvimento científico regional, e universidades e institutos tecnológicos, turismo, Geopark Araripe, com o Centro de Interpretação estarão presentes. Em pavilhões e  ambientes apropriados, acontecem apresentações diversificadas: exposições de cães de diversos estados do Brasil, cavalos, aves, bovinos e caprinos, exposições e leilão da raça Mangalarga marchador.
Para todas as noites estão programados quatro grandes shows. Entre as maiores atrações estão Ivete Sangalo, Aviões do Forró, Wesley Safadão, Bruno e Marrone,  Jota Quest, Simone e Simaria,  Banda Magníficos
A Exposição do Crato é uma realização da Secretaria de Desenvolvimento Agrário do Estado, em parceria com diversas instituições, entre as nquais a Associação de Criadores de Caprinos e Ovinos da Biorregião do Araripe (Accoa), Ematerce, prefeitura do Crato, órgãos financeiros, Universidade Regional do Cariri (Urca)..
FEIRA DE TURISMO - O Secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Venâncio Saraiva, e equipe da pasta, participaram, na última  terça -feira, no Município de Assaré, de reunião com secretários de Cultura e Turismo de cidades da região, com o objetivo de fechar a participação dos Municípios na I Feira de Cultura e Turismo dos Municípios, que ocorrerá em Crato, de 13 a 20 de julho, durante o período de realização da ExpoCrato.
O secretário destacou a importância do fortalecimento do turismo e divulgação dos municípios, além do início de um trabalho conjunto. A pretensão é que no futuro seja formado o consórcio no segmento de turismo para as cidades sete das cidades, incluindo Crato, Juazeiro do Norte, Santana do Cariri, Missão Velha, Assaré, Barbalha e Nova Olinda, que são as cidades que vão compor a feira, além dos convidados Várzea Alegre, e Exu, no Pernambuco. 
No dia 14, segunda-feira, será realizado cortejo dos grupos de tradição das nove cidades, a partir das 17 horas, saindo da praça da Sé, com destino ao Ginásio Poliesportivo da URCA, no campus do Pimenta, onde se dará o evento, que tem a coordenação da Pró-Reitoria de Extensão, da Universidade.
Durante a feira serão realizadas rodas de conversas com os municípios, conforme programação, além de festival gastronômico com o cardápio regional. Dois palcos serão montados no local para apresentações artistas, com shows todas as notas. A feira terá três acessos, para o interior do ginásio, desde o Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcante à Rua Carolino Sucupira, por trás da URCA.

BN LANÇA EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS CULTURAIS


O Banco do Nordeste do Brasil lançou edital de seleção de projetos culturais 2014/2015, com dotação orçamentária de R$ 4,5 milhões, oriundos de incentivos previstos na Lei nº 8313 (Lei Federal de Incentivo à Cultura, denominada Lei Rouanet). 
Gratuitas, as inscrições poderão ser realizadas até 31 de agosto próximo. Serão aceitas, exclusivamente, inscrições pela internet, no endereço www.bnb.gov.br/edital/programasccbnb. 
A análise e seleção dos projetos acontecerão de 1º de setembro a 04 de outubro de 2014. A divulgação acontecerá até o dia 05 de outubro, no portal do Banco do Nordeste (www.bnb.gov.br/cultura).
O edital contempla os seguintes segmentos: artes cênicas (teatro, dança, performance, circo); artes visuais (exposição); humanidades (apresentações literárias, publicação de livros de arte e ações de incentivo à leitura); música (erudita e instrumental); e cinema (mostras e festivais).
Serão selecionados somente projetos realizados nos municípios da área de atuação do Banco do Nordeste (Nordeste, Norte de Minas Gerais e do Espírito Santo) e para a programação dos três Centros Culturais Banco do Nordeste (Fortaleza; Cariri, em Juazeiro do Norte, no sul do Ceará; e Sousa, no alto sertão paraibano).
Poderão participar do edital dois tipos de proponentes: a) proponentes pessoas jurídicas, necessariamente de natureza cultural, com ou sem fins lucrativos – instituições, empresas, fundações ou associações sob controle acionário, estatutário ou majoritário de brasileiros natos, naturalizados ou de estrangeiros residentes no Brasil há mais de três anos, ser legítimo detentor ou representante dos direitos de realização do projeto a ser inscrito; e b) proponentes pessoas físicas, que sejam brasileiros natos, naturalizados ou estrangeiros residentes no Brasil há mais de três anos.
O prazo de vigência do edital será de dois anos a partir de sua publicação. Os projetos serão selecionados para realização no período de novembro/2014 a dezembro de 2016.

OS VINTE ATLETAS MAIS BEM PAGOS DO MUNDO

De acordo com o ranking compilado da Revista Forbes, diferentemente do que muito gente pensava, os atletes que ganham mais dinheiro não são os que praticam o futebol. À frente deles, na maioria, estão atletas  que praticam  box, basquete, golfe, tênis e futebol americano.
É verdade que craques como Cristiano Ronaldo, Messi,  Ibrahimovic, Gareth Bale, Radamel Falcao e o nosso Neymar figuram na lista dos milionários, mas outros atletas estão na frente deles.
Na lista da Forbes dos 30 atletas mais bem pagos estão:

Posição     Atleta        Pagamento total           Esporte
1º Floyd Mayweather   US$ 105 milhões   Boxe
2º Cristiano Ronaldo    US$ 80 milhões     Futebol
3º LeBron James          US$ 72,3 milhões  Basquete
4º Lionel Messi            US$ 64,7 milhões  Futebol
5º lKobe Bryant           US$ 61,5 milhões  Basquete
6º lTiger Woods           US$ 61,2 milhões  Golf
7º Roger Federer          US$ 56,2 milhões  Tênis
8º lPhil Mickelson        US$ 53,2 milhões  Golf
9º Rafael Nadal            US$ 44,5 milhões  Tênis
10º Matt Ryan              US$ 43,8MI           Futebol americano
11º Manny Pacquiao    US$ 41,8 milhões  Boxe
12º Zlatan Ibrahimovic US$ 40,4 milhões  Futebol
13º lugarDerrick Rose  US$ 36,6 milhões  Basquete
14º lugarGareth Bale    US$ 36,4 milhões   Futebol
15º Radamel Falcao     US$ 35,4 milhões   Futebol
16º Neymar Jr              US$ 33,6 milhões   Futebol
17º Novak Djokovic    US$ 33,1 milhões  Tênis
18º Matthew Stafford  US$ 33MI              Futebol americano
19º Lewis Hamilton     US$ 32 milhões     Corrida
20ºKevin DurantUS$   31,9 milhões         Basquete

CENTRO DE CONVENÇÕES DO AMAZONAS

O ministro do Turismo, Vinicius Lages, e o governador do Amazonas, José Melo, participaram na manhã da última sexta-feira (4), em Manaus, da inauguração do Centro de Convenções do Amazonas Vasco Vasques, obra financiada com recursos dos governos estadual e do Ministério do Turismo. 
O complexo, que recebeu investimentos de R$ 47,69 milhões para esta primeira etapa, possui oito mil metros quadrados e capacidade para abrigar até 4,5 mil pessoas. O projeto inicial sofreu alterações para que o centro de convenções tivesse acesso integrado à Arena da Amazônia, onde foram realizados os jogos da Copa do Mundo.

Colombo Cialdini se despede da presidência do FCVB


LEGADO DA COPA

METRO DE FORTALEZA
Senadores do governo e a oposição fazem balanços distintos sobre o legado que a Copa do Mundo, que termina no domingo (13), vai deixar. O líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), afirma que o evento é uma grande vitória para o país. Já Cyro Miranda (PSDB-GO) diz que gastos não valeram a pena diante do que ficará para a população.
Segundo o governo federal, os investimentos na organização do Mundial alcançaram R$ 25,8 bilhões, somados os gastos em infraestrutura e a reforma e construção de estádios.Para Humberto Costa, o país já conquistou uma grande vitória em termos de organização e projeção de uma imagem positiva no exterior.
Por sua vez, Cyro Miranda, presidente da Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado (CE), afirman que a Copa não deixará um legado à altura dos investimentos que foram feitos.
Disse: “Com a realidade das enchentes e da pobreza que ainda predomina no Brasil, é justo fazer uma coisa elitista? É justo fazer estádios que não vão servir pra mais nada? Não vamos ter legado e esta Copa foi uma extorsão do Erário. Uma extorsão pelas empresas que superfaturaram”.
Cyro diz que, "em troco de uma alegria de um mês", o país sofrerá por muitos anos com a situação da saúde, da educação e da segurança pública. (Com a Agência Senado)

HEGEMONIA DO FUTEBOL MUNDIAL - ALEMANHA X ARGENTINA NA FINAL DA COPA DO MUNDO

Após setenta e quatro  jogos realizados nas doze cidades-sede, a Copa do Mundo de Futebol terá amanhã e domingo as duas partidas finais,  no Brasil. Um mês em que São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília,  Porto Alegre, Curitiba,  Salvador, Recife, Natal, Fortaleza,  Cuiabá e Manaus estiveram  em festas diárias, num congraçamento entre as populações locais e os visitantes nacionais e estrangeiros que vieram curtir os jogos e participar das Fifa Fan Fests, das praias e de demais belezas da natureza brasileira. De modo geral, um saldo altamente positivo para o nosso País, não empanado por muitos acontecimentos desagradáveis. 
BRASIL X HOLANDA – Na tentativa pela terceira colocação na Copa, amanhã Brasil x Holanda estarão se enfrentando em Brasília, no Estádio Mané Garrincha. Não há duvidas de que não há quase motivação nem das duas seleções nem do público pela partida de amanhã, às 17 horas, na Capital Federal. A sofrida e humilhante  derrota do Brasil para a Alemanha, por 7 x 1, na terça-feira passada,  traduz o sentimento de que  esta disputa é mal recebida por todos nós, sentimento partilhado por craques de seleções  do passado,
jornalistas, enfim quase todos os brasileiros.
Assim pensam também os nossos adversários de amanhã. O técnico holandês, Louis Van Gaal, entrou às 20h04min da quarta-feira na sala de entrevistas, após perder nos pênaltis  para a Argentina,  para falar da derrota. Queixou-se da obrigação de ter de fazer o jogo de sábado pelo terceiro lugar, contra o Brasil, em Brasília. “Já digo há dez anos: essa partida nunca deveria ser jogada. Você tem a chance de perder duas vezes seguidas e, se isso acontece, você vai para casa como um perdedor. Mesmo depois de ter feito uma Copa do Mundo maravilhosa. Os jogadores não deveriam jogar pelo terceiro lugar porque só há um prêmio: a taça de campeão do mundo”.
A GRANDE DECISÃO – O jogo decisivo da taça mundial de futebol, domingo, às 16 horas, no Estádio do Maracanã, reúne dois gigantes de continentes diferentes. A Alemanha representa a Europa; a Argentina é a América do Sul. Justiça para as  duas seleções que melhor se portaram em fases anteriores. Os alemães derrotaram Portugal, Gana, Estados Unidos, França e Brasil. Os portenhos superaram a Bósnia, o Irã, a Nigéria, a Suíça, a Bélgica e Holanda. Para ambos foi uma jornada difícil, a não ser quando a Alemanha derrotou Portugal por  4 x 0. Mas mesmo assim demonstraram que, realmente,  foram os melhores, técnica e taticamente. Alemanha e Argentina já disputaram o título duas vezes. Em 1986, no México, os sul-americanos venceram por 3 a 2. Quatro anos mais tarde, na Itália, os europeus se vingaram e triunfaram por 1 a 0.
O SENTIMENTO DOS HERMANOS - Para os atletas argentinos, o jogo contra a Alemanha será o mais importante de suas vidas. O Técnico Alejandro Sabella agradeceu o apoio dos torcedores que acompanham  a seleção pelo Brasil. Muitos deles eram tão pequenos que nem se lembram. Foi em 1990 que a Argentina disputou sua última final de Copa do Mundo, quando perdeu para a Alemanha por 1 x 0. Foram longos 24 anos de jejum, quebrado por uma geração que já está orgulhosa muito antes do apito inicial da partida contra a mesma Alemanha..
Dados da Fifa indicam que Alemanha e Argentina disputaram 20 jogos, com 9 vitórias dos germânicos e 9 da Argentina. Houve cinco empates. O total de gols marcados foi 56, com um empate de 28 para cada um.  Os dois disputaram o título duas vezes. Em 1986, no México, os sul-americanos venceram por 3 a 2. Quatro anos mais tarde, na Itália, os europeus se vingaram e triunfaram por 1 a 0.

ARGENTINA ELIMINOU A HOLANDA NOS PÊNALTIS

Num jogo em que a cautela imperou, com marcações fechadas das duas equipes e de pouco brilho das suas estrelas maiores – Messi e Robben – não repetindo suas melhores atuações, a Argentina venceu a Holanda na cobrança de pênaltis, após os 90 minutos regulamentares e os 30 da prorrogação O encontro aconteceu anteontem, 10, no Itaquerão, em São Paulo, e o placar final foi de  4 x 2. Assim, no dia da independência do país,  Argentina comemorou a  volta à final após 24 anos. O goleiro Romero (FOTO) tornou-se o novo herói portenho,  após defender duas cobranças de pênalti da Holanda, 
Antes de o jogo começar, houve um minuto de silêncio em homenagem ao argentino Di Stéfano, que morreu na última segunda-feira (07.07). 
NOS 90 MINUTOS - Os primeiros minutos foram de marcação avançada da Holanda, forçando a Argentina a se livrar da bola. Com isso, os holandeses tinham mais posse de bola, mas a defesa argentina se mostrou bem postada.
A primeira parte jogo correu sem maiores emoções e  a marcação severa imperou.  . As únicas tentativas de ataque eram feitas em lançamentos longos ou cruzamentos para a área, mas não houve mais nenhum lance de perigo real.
No segundo tempo, o  lateral direito Janmaat entrou no lugar do zagueiro Indi. A substituição fez com que a seleção europeia tivesse mais a bola nos pés, mas a forte marcação argentina só permitia liberdade aos zagueiros para tocar de um lado para o outro. A Argentina teve sua melhor oportunidade aos 29 do segundo tempo.  Higuaín bateu de primeira e mandou na rede pelo lado de fora. A Holanda,  aos 45. Sneijder deu passe de primeira para Robben, mas o craque adiantou demais e Mascherano chegou de carrinho para cortar a finalização do camisa 11. O jogo terminou mesmo sem gols. 
PRORROGAÇÃO E PÊNALTIS - Os 30 minutos da prorrogação foi uma repetição da fase normal. As duas equipes repetiram o mesmo desempenho, não proporcionando maiores emoções. Nos últimos minutos finais, a Holanda fez de tudo para conquistar o gol salvador.  Kuyt teve boa chance pegando cruzamento de Janmaat de primeira, mas a bola bateu na defesa e saiu. 
Na decisão por pênaltis, primeira cobrança foi do zagueiro Vlaar. Ele bateu no canto direito e Romero voou para defender. Messi abriu para a Argentina e com categoria deslocou Cillessen: 1 x 0 para os sul-americanos. Robben bateu firme no canto direito para empatar: 1 x 1. Garay encheu o pé na sequência, bola no alto do gol e 2 x 1 para os argentinos. O camisa 10 da Holanda, Sneijder bateu no canto esquerdo e Romero saltou bem para defender mais uma vez. Aguero abriu e fez 3 x 1.  Kuyt descontou. Maxi Rodríguez teve a bola da classificação nos pés e bateu forte, a bola pegou em Cillessen e entrou. Argentina classificada para a final.

ALEMANHA, 7 X BRASIL, 1 - UM TSUNAMI NO CAMINHO DO TETRA CAMPEONATO

Oscar marcou o único gol brasileiro
Aconteceu o inesperado. Ninguém acreditava que a Alemanha aplicasse tremenda goleada no Brasil, a maior sofrida em todas Copas do Mundo. A vitória de 7 a 1 foi demais diante de uma equipe que se apresentou apática e não soube reagir quando sofreu o 1º gol. 
Com o resultado, os germânicos garantem a vaga na final, em 13 de julho, no Maracanã. O adversário será a Argentina, que na  quarta-feira, na Arena Corinthians,  saiu vitoriosa por 4  x 2 diante da Holanda. Assim,  Brasil se despediu do título hexa campeão que pretendia.  Em Brasília, no dia 12, disputará o 3º lugar com a  Holanda.
Depois de muita especulação nos últimos dias sobre o substituto de Neymar, o técnico Luiz Felipe Scolari escalou o atacante Bernard. Após cumprir suspensão por cartão amarelo, o volante Luiz Gustavo voltou ao time no lugar de Paulinho. Passeio
Antes de ser massacrado em campo, o Brasil até esboçou uma pressão na saída de bola da Alemanha e dominou os minutos iniciais. Mas a Alemanha igualou o jogo e o inesperado aconteceu. Marcelo perdeu uma dividida no ataque e os alemães conseguiram encaixar um contra-ataque com  Kroos e Müller pela direita, aos 10 minutos. O que se viu nos minutos seguintes foi um verdadeiro ataque contra defesa.  Entre os minutos 22 e 30, os germânicos fizeram quatro gols, com Klose, Kroos (2) e Khedira. Klose se transformou no maior artilheiro da história das Copas, com 16 gols, superando o brasileiro Ronaldo, que marcou 15 vezes.
Com os 5 x 0 no placar, no intervalo, Scolari trocou Fernandinho, que falhou na saída de bola em dois dos gols, por Paulinho. Hulk entrou no lugar de Ramires. Os brasileiros até ameaçaram a defesa alemã, mas Neuer fez quatro ótimas defesas e impediu uma improvável reação dos anfitriões. Schürrle, que havia entrado no lugar de Klose, marcou ainda mais dois gols no segundo tempo.O gol de honra do Brasil só veio aos 45 minutos do segundo tempo
O Brasil foi a campo com Julio César; Maicon, David Luiz, Dante e Marcelo; Luiz Gustavo, Fernandinho, Oscar, Bernard e Hulk; Fred. Os alemães foram escalados pelo técnico Joachim Löw com Neuer; Lahm, Jérôme Boateng, Hummels e Höwedes; Khedira, Schweinsteiger, Toni Kroos e Özil; Thomas Müller e Klose
O juiz foi o Mexicano  Marco Rodrigues. 

ROTA DO SOL SEMANAL 11/07/2014 - ISSUU

segunda-feira, 7 de julho de 2014

CALEIDOSCÓPIO - UM CRIME IMPUNE / PUXADINHO, MELHOR DESTINO

UM CRIME IMPUNE

Não sabemos até quando a FIFA continuará mandando nos países que estão sob sua jurisdição, no futebol.  Ao lado de promover o maior evento esportivo do mundo, a entidade máxima age como verdadeira ditadora, impondo condições muitas vezes humilhantes ao país que vai sediar uma Copa do Mundo. Ou será que só foi com  o Brasil?  O fato é que no evento que se vem desenrolando até 13 deste junho, imposições e imposições estão em voga, num  intervencionismo de fazer inveja a qualquer país conquistador. De tantos, enumeramos apenas um: jogos serem realizados a partir das 13 horas. Absurdo dos absurdos. Um atentado violento à saúde dos jogadores, afetando também aos que vão aos jogos ou, até, quem deseja participar da sua promoção – Fifa Fan Fest.  Num país tropical como o nosso, em que a temperatura no Nordeste vai até os trinta e dois graus, com sensação de 35, é um crime a imposição. No Norte, em Manaus, a temperatura ainda sobe  mais. Dá dó a gente assistir a jogos em que, por exemplo, alemães, holandeses, gregos e suíços estão em cena. Até os próprios brasileiros padeceram nas  partidas começadas nestas horas em que o sol é inclemente, não rendendo o que era esperado. E os órgãos governamentais de saúde, nem mesmo a Organização Mundial de Saúde tomaram  até agora qualquer providência, radical, para acabar com esta farra da FIFA. Ela, tudo indica,  mostra  ter como objetivo primeiro o lucro.  Otimização dos jogos de futebol,  melhor estrutura das organizações e dos campeonatos são assuntos complementares. A ditadura é tão grande que, um mês antes do início da Copa, ninguém manda em estádios ou locais de suas promoções. Adeus soberania do Estado. A Arrogância é tanta que até os benefícios indiretos que o país-sede dos jogos têm, ficam esmaecidos. É lastimável tanta subserviência. 

PUXADINHO, MELHOR DESTINO

Como aconteceu com várias obras que estariam à disposição para uso antes do início da Copa do Mundo, o Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza, não concluiu o que fora programado. Vexame e grande quando se constatou que tal não ocorreria. Então, Moreira Franco, constrangido, anunciou a construção de um “quebra-galho”, um terminal provisório. Assim,  os  turistas que chegassem à nossa capital não teriam do que reclamar, pois recursos como este já haviam sido empregados com êxito em outras partes do mundo. Adiantou então o Ministro-Chefe da Aviação Civil  que a construção de emergência, chamada pelo povo como “Puxadinho”,  resolveria o problema e, depois, seria desativada logo após a competição. Pois bem, o “Puxadinho” foi emergencialmente construído e está dando certo, não se ouvindo maiores reclamações por porta de quem aqui chega ou saí via área O que não se compreende é que ele sem mais nem menos seja posto abaixo, pois não teria sentido  com o final das obras de ampliação do Aeroporto Pinto Martins, previstas para mais uns dois anos. Irá  para “o brejo” os 1,79 milhões gastos na sua edificação?  Não acreditamos. Não seria o momento de o Governo do Estado do  Ceará pensar  em aproveitar o “Puxadinho” também como um terminal de emergência no Aeroporto de Aracati, que já está autorizado para receber aviões de porte médio.? O  turismo da região e de parte do Rio Grande do Norte muito ganharia e teria melhor sentido tanto dinheiro gasto. Ou não?

BNDES APROVA R$ 1 BI PARA A LINHA LESTE DO METRÔ

Novas tuneladoras
Conforme a  Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado com informações do BNDES e Casa Civil, o BNDES aprovou a verba de  R$ 1 bi para a construção da linha leste do metrô de Fortaleza, cujas obras já foram iniciadas, porém estando em ritmo lento. 
O projeto faz parte dos investimentos propostos para o setor de mobilidade urbana no âmbito do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC). A Linha Leste do metrô irá integrar o centro capital à região da Avenida Santos Dumont, onde se encontram os principais polos comerciais, universitários e financeiros da cidade, além da região da Avenida Washington Soares, que apresenta o maior índice de crescimento da região. Deverá complementar de forma eficaz a rede de transporte urbano dos bairros de sua abrangência, integrando-se aos demais modais de transporte. 
O traçado do metrô  parte  da Estação Central Chico da Silva, seguindo no sentido Oeste-Leste até a Estação Hospital Geral da Fortaleza (HGF). Daí derivará no sentido sul, até a Estação Edson Queiroz, atendendo doze bairros da cidade.
O financiamento do BNDES apoia investimentos necessários para implantação das obras civis do metrô, que corresponde a 12,4 km de sistema metroviário, sendo 11,1 km de trecho subterrâneo, 562 metros de trecho de transição e 800 metros de trecho em superfície, além de treze estações (doze subterrâneas e uma em superfície), dez poços de ventilação e sete saídas de emergência.
NOVAS TUNELADORAS -  Com mais duas tuneladoras adquiridas para a escavação dos túneis da Linha Leste do Metrô de Fortaleza, que desembarcaram na quinta-feira (03) no Terminal Portuário do Pecém  e o aporte financeiro do BNDES tomarão grande impulso os trabalhos de construção da nova via.
Os equipamentos chegaram ao porto no navio Thor Dynamic, provenientes da cidade de Xangai, na China. As duas primeiras tuneladoras chegaram também daquele país em setembro do ano passado e estão armazenadas em área entre as estações Chico da Silva e João Felipe, no Centro da capital. A montagem dos equipamentos deve começar ainda este mês.
As tuneladoras são do tipo Tunnel Boring Machine (TBM) e foram compradas mediante licitação ocorrida em junho de 2012. O valor do investimento foi de R$ 128.224.258,52. O Contrato com a Robbins inclui ainda outros equipamentos a serem utilizados na obra. 
ANDAMENTO DAS OBRAS - As obras da Linha Leste seguem com a abertura do emboque, túnel por onde entrarão as tuneladoras – localizado ao lado da estação Chico da Silva, sentido bairro do Papicu. Esse estágio da obra já está com 65% de sua estrutura pronta.
O Shield, como é chamado a parte dianteira da máquina, responsável pela escavação, tem 6,9 metros de diâmetro e 10 metros de extensão e cerca de 460 toneladas. Ao todo, o shield e o backup (a parte restante da máquina) têm 125 metros de extensão, com cerca de 737 toneladas.

MERCADO CENTRAL É PARADA OBRIGATÓRIA DOS TURISTAS

O Mercado Central de Fortaleza continua preparado para receber os torcedores que vêm à capital cearense, principalmente agora que se realiza a Copa do Mundo. Antes do duelo entre Brasil e Colômbia e nestes dias de alta estação, o tradicional espaço de compras, nos seus quatro andares e cerca de 500, está lotado de visitantes, todos desejosos em adquirir centenas de produtos artesanais do Ceará, como rendas, redes, cachaças, castanha de caju e doces típicos, entre outros.
No Mercado, o visitante pode comprar um quilo de castanha por R$ 20 ou uma saída de banho por R$ 30. Camisetas com estampas das praias mais famosas do Ceará, como Jericoacoara ou Canoa Quebrada, variam entre R$ 10 e R$ 20. Já a tradicional rede sair por cerca de R$ 50. Além da gastronomia cearense e confecções de diversos tipos, o visitante lá encontra objetos para decoração, como sanfoneiros e dançarinos de forró em miniatura, pequenas jangadas e imãs de geladeira, entre outros. “O Mercado Central de Fortaleza é hoje o principal destino dos nossos turistas que buscam conhecer as raízes, a cultura, o artesanato, a culinária e a tradicional hospitalidade cearense”, disse o presidente do centro de compras, João Eudes de Oliveira, ao site do espaço (www.mercadocentraldefortaleza.com.br).
TURISTAS NO CASTELÃO - De acordo com o secretário Especial da Copa do Ceará (Secopa), Ferruccio Feitosa, confirmou-se a estimativa de que 79% dos 60,5 mil lugares disponíveis no Castelão foram ocupados por turistas – 46% brasileiros e 33% estrangeiros – na partida da Seleção Brasileira contra os colombianos.
 “Recebemos mais de 150 mil estrangeiros e 108 mil visitantes de outros estados nos seis jogos. O número é cinco vezes maior do que na Copa das Confederações”, disse. No total, segundo a Secretaria do Turismo do Ceará , contando os visitantes que viajaram sem ingresso para as partidas, Fortaleza receberá cerca de 350 mil pessoas no período do Mundial.
Apenas na primeira fase da Copa do Mundo, os turistas que viajaram a Fortaleza injetaram, de forma direta, cerca de R$ 500 milhões na economia da cidade. Os principais gastos dos visitantes, segundo a Secopa, foram com hospedagem, comércio, serviço e passeios turísticos.

SELOS NO POLO GASTRONÔMICO DA VARJOTA

Após realizar a categorização de qualidade dos restaurantes do Polo Gastronômico da Varjota em maio, a Prefeitura de Fortaleza e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) colaram os selos indicativos das notas recebidas pelos estabelecimentos. Foram inspecionados 68 restaurantes, bares e lanchonetes. Destes, 26 receberam A (a nota mais alta), 37 foram classificados na categoria B e quatro na categoria C. Registrou-se também um estabelecimento pendente (que apresentou condição insatisfatória, podendo se manter em funcionamento após a correção das devidas falha).
A categorização tem por base o Projeto Piloto da Anvisa, regido pelo Regulamento RDC nº 216 de 15/09/2004. No Projeto, diversos itens são avaliados, entre eles controle de qualidade do alimento (matéria prima e alimento pronto para consumo), limpeza, organização, higiene e conservação.
O Projeto vem sendo executado há um ano, em duas etapas. A primeira com função primordialmente educativa, com o objetivo de que os restaurantes se ajustassem aos padrões de qualidade estabelecidos pela Anvisa. A segunda etapa foi a avaliação final com a categorização e colagem do selo nos estabelecimentos.

MESMO CONTRA PRECONCEITOS : COPA NO BRASIL É A MAIS BEM ORGANIZADA

David Ranc (foto), um especialista francês em esportes e relações internacionais, afirmou à imprensa francesa que a Copa do Mundo no Brasil neste ano está sendo mais bem organizada que a Olimpíada de Londres, de 2012. O pesquisador faz parte do projeto Pesquisa em Futebol em uma Europa Expandida (Free, na sigla em inglês), um consórcio que reúne universidades de vários países da União Europeia e da Turquia. Após a polêmica, ele escreveu um artigo no site do projeto reafirmando sua comparação e deu explicações sobre o assunto.
Para Ranc, o grande número de reportagens negativas e críticas feitas antes do início da Copa são fruto de racismo e preconceito contra países do Hemisfério Sul, e que não aparecem quando se trata de mega eventos organizados pelo Hemisfério Norte.
O pesquisador citou três exemplos de como os Jogos Olímpicos de 2012, em Londres, tiveram fatos que mostram uma organização pior que a que o Brasil vem mostrando na Copa: o fato de que muitas cadeiras ficaram vazias em várias competições, ao ponto de os organizadores chamarem membros do exército para preenchê-las; a mobilização do exército britânico para cobrir as lacunas da empresa privada contratada para cuidar da segurança dos Jogos, já que ela acabou contratando menos seguranças do que o necessário; e um incidente no qual o governo britânico permitiu que o exército instalasse um lança-míssil em propriedade privada nos arredores dos locais de eventos esportivos. Outras gafes, como quando a bandeira da Coreia do Sul foi confundida com a da Coreia do Norte, ofendendo os competidores.
No caso do Brasil, o alarde foi sobre estádios e obras de mobilidade que não ficariam prontos a tempo e atrapalhariam o andamento do evento, além das manifestações que se espalhariam pelas cidades-sede. “A não ser que eu esteja enganado, até agora nada disso aconteceu realmente.”
Sem querer criticar a Olimpíada de Londres, que ele disse que foi em geral bem organizada, o pesquisadores explica o motivo da comparação: mostrar o abismo entre realidade e percepção. “Sempre que um evento é organizado em um país do Sul, o discurso, e a memória, é de um fiasco em potencial, que em geral não se materializa. Sempre que um evento é organizado em um país nórdico, o discurso, e a memória, é de sucesso, mesmo quando houve fiascos de verdade”, diz Ranc.

NOTÍCIAS DA ACETER

1. A ACETER está nos preparativos para participação em dois grandes eventos: Feira do Empreendedor (Fortaleza, 05 a 09 de Agosto) e RURALTUR (Campina Grande, 03 a 05 de setembro). Para este último, o SEBRAE-CE está apoiando a entidade com stand e transporte para empresários participarem do Evento na Paraíba. 
2. A ACETER está enviando a lista de seus Associados para ser inserida nos sites de turismo do Ceará com a finlidade de ser acrescentada nas opções de busca dos turistas no segmento do turismo rural. Uma ação da Entidade para promover seus Associados.

CUMBUCO E PORTO DAS DUNAS, CAMINHOS CERTOS DOS TURISTAS

Cumbuco - CE
O Ceará vem recebendo desde o início da Copa do Mundo FIFA 2014 dezenas de sotaques e idiomas, todos interessados principalmente, no nosso sol, brisa constante, praias, artesanato e culinária vasta. Afinal, são 573 quilômetros de litoral, temperatura média de 27° e 300 dias de sol por ano. Tudo isso aliado a um povo cuja simpatia e hospitalidade são reconhecidas em todo o País.
Nestes dias de Copa de Mundo acrescentado com período de férias os turistas muito vêm procurando os polos turísticos dos municípios da Região Metropolitana de Fortaleza, tais como Cumbuco (Caucaia), e Porto das Dunas (Aquiraz). 
PORTO DAS DUNAS -  Um dos locais que mais têm atraído os visitantes é o Porto das Dunas, onde está o Beach Park, ao passo que é, também, local para quem  deseja lazer com sossego. O Porto das Dunas é a localidade praiana mais urbanizada do Ceará. Sua orla é tranquila e tem como característica os imensos coqueirais, dois resorts, diversos condomínios e casas de alto padrão margeando as suas dunas gigantes.
A localidade apresentou um grande crescimento nas últimas duas décadas, a partir da instalação do Beach Park, o maior parque aquático da América Latina e o principal equipamento turístico privado do Estado. Além do parque, recebe festas temáticas nos hotéis e nas mansões. Também detém uma das melhores infraestruturas de hospedagem do Estado, com dois resorts – entre eles o Aquiraz Riviera, com campo de golfe e um dos maiores do Nordeste - e diversos hotéis e pousadas. Para chegar lá, vindo de Fortaleza, o turista vai percorrer uma estrada duplicada, a CE 025, com paisagismo e ciclovia. 
O Porto das Dunas mantém intacto o conjunto de formações geológicas que dá nome ao lugar; e a foz do rio Pacoti, com manguezais e vegetação intocada. 
Além do parque, uma boa pedida é passear entre as dunas de buggy ou veículo 4 x 4 e conhecer o parque eólico instalado na região, um dos maiores do Ceará. E quando bater a fome, não vai  faltar bons restaurantes para o turista se deliciar com uma legítima peixada cearense, ou pratos à base de camarão e lagosta. 
Para finalizar a visita, vale conhecer a bucólica Prainha. Limitada pela foz do Rio Catu, o lugar tem águas calmas e uma comunidade que vive da pesca e do artesanato. E acompanhar o ritual dos jangadeiros se lançando ao mar, degustando deliciosos pratos nas barracas. 
Já de volta à Fortaleza, na CE 040, a pedida é parar no Centro das Tapioqueiras. O lugar reúne 26 quiosques especializados na iguaria cearense, de origem indígena. A origem do lugar remonta à década de 1920, quando mulheres da comunidade da Paupina, em Messejana, vendiam tapioca com café na estrada.
O centro recebe diariamente mais de mil turistas e fortalezenses em busca de experimentar diferentes recheios de tapioca, desde o tradicional leite de côco ou carne do sol com queijo coalho; aos mais elaborados, tais como camarão ou frango com catupiry; passando pelas doces, como as de goiabada cascão com queijo, leite condensado com côco, Nutella e outras delícias.
CUMBUCO – Outro local preferido é a Praia do Cumbuco, vizinha a Fortaleza (apenas 23 km de distância da região da Beira Mar), onde o sol não dá trégua, mas a brisa é constante. Além da beleza da praia em si, o Cumbuco é cercado por paisagens de tirar o fôlego: as dunas, a Lagoa do Banana e a Barra do Cauípe.
Paraíso dos praticantes de wind e kite surf, o Cumbuco é um dos melhores pontos do mundo para a prática desses esportes, devido à intermitência eólica. Lá, a velocidade média anual dos ventos é de 36 km/h e a vila tem uma rede de negócios que gira em torno dessas modalidades: escolas, centros de manutenção, lojas especializadas e outros estabelecimentos, além de diversas competições ao longo do ano. 
Mas a praia também oferece opções para quem não é adepto do kite ou do wind: boas pedidas são cavalgar pela praia ou passear de buggy pelas dunas. Estas formações são muito íngremes na área, e o nível de adrenalina depende do gosto do turista: “com emoção”, com descidas bruscas nas dunas, ou “sem emoção”, quando as descidas são lentas e suaves.
Para garantir a segurança do visitante, é recomendável procurar apenas bugueiros credenciados. É fácil identificá-los por meio das sinalizações nos carros e na farda. Na dúvida, basta procurar a sede da associação, na praça da vila. Quem gosta de se aventurar dirigindo na areia, quadriciclos também podem ser alugados para passeios em áreas específicas. 
Para finalizar o dia, o turista pode apreciar o pôr do sol tanto no Cauípe, quanto na Lagoa do Banana, e depois se esbaldar nos bares e nas festas estilo “pé na areia” do Cumbuco. 
Bares e restaurantes também não faltam: pode-se encontrar desde os peixes e frutos do mar - tradicionais em todo o litoral cearense - à culinária contemporânea, passando pelos especializados em comida natural. 
A rede hoteleira do Cumbuco é uma das mais completas do Litoral Oeste. São cerca de 50 empreendimentos de hospedagem, que vão desde pousadas a um resort de alto luxo com campo de golfe (Vila Galé Cumbuco), passando por um hotel de charme.
Para descansar, mergulhar em águas mornas e cristalinas de rio, lagoa ou do mar, aproveitar os bons ventos para praticar wind e kite surf ou cair na balada, o destino certo é o Cumbuco. Sempre de encher os olhos. (Com a Setur/CE).

ANGOLA PELA PRIMEIRA VEZ PARTICIPA DO FESTURIS

Aproxima-se nosso período de férias, na EmVisando sempre potencializar a participação de destinos internacionais no Festival do Turismo de Gramado - Festuris, que se realizará de 6 a 9 de novembro próximo, a organização do evento apresenta cada vez mais uma aproximação com o mercado turístico africano. Este ano, Angola participará pela primeira vez do evento. Um dos lugares turísticos mais promissores da África e do mundo,  é composta por um aglomerado de belezas naturais e, distintas, proporcionam aos turistas atributos de lazer como o ecoturismo, esportes radicais, safaris fotográficos, esses são apenas algumas das vertentes do turismo no País. A cultura da música, das danças, dos artesanatos está expressa por cada coração e mãos dos africanos, a sensibilidade de demonstrar suas peculiaridades vem dos tempos antigos, sendo assim, torna uma viagem inesquecível mergulhando na história e na diversão. O País mostrará sua evolução no turismo nos últimos anos e um investimento gradativamente maior para apresentar suas belezas ao setor. Além de Angola, Quênia e a África do Sul também estarão presentes no evento.
TURISMO - Em 2013, mais de 650 mil turistas visitaram Angola, o que gerou cerca de 120 milhões de kz (Kwanzas), moeda angolana, que reflete em 1% de todo o PIB do país. O cenário angolano prevê para 2020 uma captação de cerca de 4,5 milhões de turistas. As perspectivas mais otimistas apontam para a captação de 6,1 milhões de turistas. Se isto ocorrer, o faturamento da indústria turística pode ultrapassar os 3% do produto interno bruto do país. 
Angola é caracterizada pela existência de uma grande potencialidade e diversidade de recursos turísticos mas que encontra como principais entraves, para o desenvolvimento do setor, uma mão-de-obra pouco qualificada muito dependente do exterior, complexidade na obtenção de vistos turísticos, elevados preços de alojamento e alimentação, um quadro legal desatualizado, reduzida oferta turística, baixa qualidade de serviços e estruturas de formação profissional.

O DESAFIO DE APROVEITAR ESTÁDIOS APÓS COPA

Arena Pantanal
Os estádios de Cuiabá, Curitiba, Manaus e Natal, cidades sediaram jogos apenas na primeira fase da Copa do Mundo.  As estruturas terão de  sobreviver de jogos de campeonatos locais e nacionais, além de eventos culturais. No caso de Cuiabá e Manaus, onde os governos administram as arenas Pantanal e Amazônia, a intenção é terceirizá-las. Em Curitiba, o Clube Atlético Paranaense administra a Arena da Baixada e pretende hospedar partidas entre grandes times. Em Natal, a Arena das Dunas continuará a ser administrada por meio de parceria público-privada.
A Secretaria Extraordinária da Copa do Mundo de Mato Grosso (Secopa-MT) informou que já foram nomeados gestores governamentais para conduzir a terceirização da Arena Pantanal, mas não há data definida para a conclusão do processo. Enquanto ele não ocorre, o governo estadual continua comandando o estádio e negocia a realização de partidas de futebol. A próxima está agendada para 20 de julho, entre Paysandu e Cuiabá, da Série C do Campeonato Brasileiro. Segundo Cristiano Dresch, vice-presidente do Cuiabá, a expectativa é que o público fique entre 4 mil e 5 mil pessoas.A capacidade da Arena Pantanal chega a 44 mil pessoas 
No caso da Arena Amazônia, o outro estádio que deve ser concedido à iniciativa privada e que custou R$ 594 milhões financiados pelo BNDES, a Unidade Gestora do Projeto Copa informou que uma estimativa do valor de manutenção mensal será detalhada em estudo sobre o melhor modelo de concessão onerosa. 
Em Natal, a Secopa-RN  informou que a Arena das Dunas   “irá contemplar uma série de eventos, desde futebol, com partidas das duas principais equipes do Rio Grande do Norte, América e ABC, ambos da Série B do Campeonato Brasileiro, além de eventos corporativos, de entretenimento, shows, culturais, entre outros”. O estádio é gerido por uma parceria público-privada entre o governo do Rio Grande do Norte e a empresa que leva o mesmo nome da arena. 
Segundo a Secopa-RN, o estádio tem com capacidade para 32 mil pessoas após a retirada dos assentos temporários instalados para a Copa. A estrutura teve custo de R$ 400 milhões, em sua maior parte financiados pelo BNDES. 
A cidade de Curitiba, onde o estádio do Atlético Paranaense foi reformado para o Mundial, é a única sede entre as quatro a ter um time na Série A e cuja arena está desde o início sob administração privada. A assessoria de imprensa do Atlético informou que o time jogará em casa todas as partidas em que tiver mando de campo. A previsão é que o local comporte 42.372 torcedores no modelo pós-Copa. O orçamento da reforma do estádio foi R$ 326,7 milhões. Houve investimento do time, da prefeitura da cidade e financiamento do BNDES.

CANADÁ DAY

Fogos de artifício, shows, desfiles, churrascos, jogos esportivos e muitos outros eventos aconteceram  no último dia 1º  julho em todo o Canadá nas comemorações do Canada Day. A data marca a unificação, em 1867, dos territórios de Nova Scótia, Nova Brunswick e a Província do Canadá, tornando-o um único País independente da Inglaterra.
Para comemorar a data, milhares de canadenses vestiram-se com as cores da bandeira - de branco e vermelho - e encontraram-se em dezenas de eventos públicos e gratuitos. Um dos mais tradicionais aconteceu  nos  gramados em frente à sede do parlamento canadense, Parliament Hill, na capital Ottawa.
O hasteamento da bandeira e a troca de guarda abriram as comemorações da capital logo pela manhã, sendo seguido por uma série de atrações, shows musicais e desfiles pátrios. Para as famílias, o Jacques Cartier Park foi a sede de uma série de atividades especiais para crianças de 3 a 12, incluindo jogos, atividades físicas, apresentações e ainda um show aéreo com aviões de caça da equipe Snowbirds. 
Para os foliões de todas as idades, foram preparadas atividades gratuitas na maioria dos museus e instituições nacionais da cidade. O dia festivo terminou o tradicional show de fogos de artifícios

QUAL CHEGARÁ AO PÓDIO MAIS ALTO : BRASIL, ALEMANHA, ARGENTINA OU HOLANDA?

A Copa do Mundo de Futebol 2014 chegou à reta final, após 27 dias de jogos das fases Eliminatória, Oitavas de Final e Quartas de Final, com 60 jogos realizados.  Amanhã começarão as Semi-Finais, delas participando Brasil, Alemanha, Argentina e Holanda. Foram os grandes vencedores das etapas e agora, qual destas seleção estará na Final e se sagrará a grande campeã? No duro, no duro, qualquer uma deles está credenciada ao pódio mais alto. 
Tradição é a marca das quatro seleções que disputam a taça
. Estádios continuam lotados, mas a média de gols do torneio caiu após as quartas de final. Esbanjam tradição no torneio. As classificadas somam dez títulos e 11 vice-campeonatos na mais importante competição de futebol do planeta. Do grupo, apenas os holandeses jamais levantaram a taça: terminaram em segundo em 1974, 1978 e 2010.
Faltam apenas quatro jogos para o fim da Copa: as duas semifinais, a disputa de terceiro lugar e a decisão. As semifinais começam às 17 de terça-feira (08.07), com Brasil x Alemanha, no Mineirão, em Belo Horizonte. Holanda e Argentina se enfrentam na quarta-feira (09.07), na Arena Corinthians, em São Paulo, às 17h.
Os quatro semifinalistas somam 10 títulos e 11 vice-campeonatos em Copas: Brasil – 5 títulos (1958, 1962, 1970, 1994 e 2002) e 2 vices (1950 e 1998).  Alemanha – 3 títulos (1954, 1974 e 1990) e 4 vices (1966, 1982, 1986 e 2002). Argentina – 2 títulos (1978 e 1986) e 2 vices (1930 e 1990). Holanda – Nenhum título e 3 vices
(1974, 1978 e 2010)
A Costa Rica foi a surpresa do torneio. Antes de vender caro a derrota para a Holanda, eliminou Inglaterra e Itália na fase de grupos, venceu a Grécia por 5 x 3 nos pênaltis - após o empate por 1 x 1 no tempo normal e na prorrogação - e chegou pela primeira vez em sua história às quartas de final de um Mundial. Outra seleção que deixou sua marca na competição foi a Colômbia, que deu trabalho para a Seleção Brasileira e, nas oitavas de final, derrotou o Uruguai. Foi a melhor campanha da equipe na história.
Oito estádios já se despediram do torneio. O fim da primeira fase marcou o adeus da Copa para a Arena das Dunas, a Arena Pantanal, a Arena da Baixada e a Arena da Amazônia. Nas oitavas de final, foi a vez do Beira-Rio e da Arena Pernambuco. Já a Arena Castelão, em Fortaleza, e a Arena Fonte Nova, em Salvador, receberam suas últimas partidas nas quartas de final.

VITÓRIA DA ARGENTINA

Messi e Di Maria abraçam Higuaín
Após a difícil vitória de 1 x 0 sobre a Costa Rica,  na tarde de sábado, em Brasília, a Argentina volta cheia de esperanças às semifinais da Copa do Mundo de Futebol. O fato só havia acontecido em 1990, na Itália. 
O gol salvador foi de Higuaín, aos sete minutos do primeiro tempo das quartas de final. Os argentinos entraram arrasadores e partiram na frente. Mas depois a excelente e lutadora Costa Rica igualou as ações e deu trabalho e  enorme sufoco até o apito final. 
Como havia acontecido com o Brasil,  que perdeu a sua maior estrela, a Argentina também saiu de campo dolorida, pois o craque Di María teve de ser substituído, por lesão, ainda durante o primeiro tempo. Como Nilmar, segundo consta, ele não tem condições de participar dos jogos finais da Copa. 

ENCERRAMENTO DA COPA EM RITMO DE FESTA

Shakira cantará no show de encerramento
Uma grande festa está programada para a  final da Copa do Mundo no Rio, dia 13 de julho, no Maracanã. Antes da partida, está marcado um espetáculo musical com a presença de vários cantores nacionais e internacionais. Na abertura, estão confirmados os  cantores Santana, Wyclef e Alexandre Pires, com apresentação programada para as 14h20. Eles cantam a música oficial da Copa 2014.Além disso, a cantora colombiana Shakira marcará presença no terceiro Mundial, cantando La la la (Brazil 2014) ao lado de Carlinhos Brown. Segundo o cantor baiano, a Copa do Mundo realmente emocionou. 
A cantora Ivete Sangalo se apresentará em seguida com  um pot-pourri de famosas canções nacionais.
Para a festa está programada também a apresentação dos passistas e ritmistas da Escola de Samba Acadêmicos do Grande Rio, numa homenagem à cidade-sede da decisão.
O jogo que decidirá a Copa, conforme protocolo da Fifa, deverá começar às 16.

BRASIL PASSOU PELA COLÔMBIA E VAMOS PARA A META FINAL

Davi Luiz após o segundo gol do Brasil
Não vem sendo fácil a caminhada da seleção brasileira visando conquistar o hexa campeonato mundial de futebol, nas copas patrocinadas pela Fifa. Na fase classificatória, duas vitória suadas e um empate dramático. O mesmo grau de dificuldades encontramos sexta-feira passada, 4, quando enfrentamos nas quartas de finais, a excelente Colômbia, uma das mais gratas sensações desta Copa do Mundo de Futebol que já está reta final, com término marcado para a tarde do próximo domingo, no Maracanã. Estamos no páreo ainda, pois a vitória de 2 x 1 sobre os colombianos nos remete para jogar amanhã, nas semifinais, contra a Alemanha. A vitória foi suada, mas dolorida, uma vez que perdemos Neymar, o nosso maior jogador de referência. Valeu o desabafo do técnico Luiz Felipe Scolari: “. “Eram sete degraus que a gente tinha que subir. Agora só faltam dois”. 
O JOGO – Não há dúvida de que o Brasil melhorou substancialmente em relação aos jogos anteriores, principalmente no primeiro tempo quando o zagueiro Tiago Silva, aos 7 minutos,  marcou um gol, aproveitando escanteio cobrado por Neymar. Foi mais dono da situação. Os  jogadores de meio campo exerceram bem sua função, auxiliando o trabalho dos zagueiros,  fazendo a ligação com o ataque e obrigando trabalho continuado dos defensores colombianos, com boas defesas do goleiro Ospina.
No segundo tempo, até um pouco depois de David Luiz marcar o 2º tento, num chutaço na cobrança de uma falta, também o Brasil foi melhor. Mas, após o 1º tento da Colômbia, aos 32 minutos, marcado por James Rodrigues em falta cometida pelo goleiro Júlio César, o sufoco foi grande para a nossa seleção. E a situação piorou mais ainda quando Neymar foi violentamente atingido, saindo de campo de maca, indo direto  para o hospital. A Colômbia fez o jogo do abafa e por pouco não empatou. Haja coração. Alívio após o apito final. Ficamos credenciados para ir às semifinais e enfrentar a Alemanha, que eliminou a França,  por 1x 0.
NÚMEROS -   O Brasil teve ligeira vantagem contra a Colômbia na posse de bola durante os 90 minutos: 51% a 49%. Nos chutes a gol, a Seleção Brasileira também deu um a mais que o adversário: 12 a 11. O time comandando pelo técnico Luiz Felipe Scolari cometeu 31 faltas, contra 23 do adversário. O público na Arena Castelão foi de 60.342 torcedores.

A ALEMANHA ELIMINOU A FRANÇA

OS AZUIS VOLTAM PARA CASA
O primeiro país classificado para as semifinais da Copa do Mundo FIFA Brasil 2014 foi a Alemanha, que bateu a França por 1 x 0 nesta sexta-feira,  no Maracanã, no Rio de Janeiro. Os alemães terão pela frente o Brasil, que derrotou a Colômbia por 2 x 1ç
O jogo, com o Maracanã lotado por 74.240 pessoas e o tento vencedor veio com uma jogada de bola parada ainda no primeiro tempo, confirmou a superioridade alemã no controle da partida durante boa parte dos 90 minutos. A partida que dá vaga à finalíssima será realizada em Belo Horizonte, na próxima terça-feira, às 17h,
Esta será a quarta semifinal de Copa do Mundo seguida da Alemanha - foi vice-campeã em 2002 e terceira colocada em 2006 e 2010. Além disso, é a 13ª vez que a seleção alemã fica entre os quatro melhores do Mundial, em 20 edições.

AUSÊNCIA DE DOIS ÍDOLOS

Dois craques se machucaram nos jogos da quartas de final. O atacante Neymar, da Seleção Brasileira, levou uma joelhada do adversário Zúñiga nos últimos minutos do jogo contra a Colômbia e fraturou a vértebra. Ele não voltará a jogar mais na Copa do Mundo. O também atacante Di María, da Argentina, sofreu uma lesão muscular na coxa direita e, provavelmente, também não entrará mais em campo.
É lamentável a ausência de Neymar e Di Maria nestes jogos decisivos. Ambos são referência. Neymar é o nome mais destacado da seleção brasileira. Não há dúvida de que fará falta às pretensões de se alcançar o hexa campeonato mundial. Não há  certeza de quem será o seu substituto. Mas certo é, também, que Paulinho,  Hernanes, Oscar ou Luiz Gustavo, que não jogou na última partida em razão de ter recebido cartão amarelo, todos são valores excepcionais e poderão dar conta do recado.
Fala-se muito que a Argentina e Messi. De fato, o craque do Barcelona está em ótima forma e desequilibra qualquer adversário. Mas não se pode negar ser Di Maria um jogador de qualidade invejável e que, como Neymar, sua ausência será muito sentida. Suas equipes estão no prejuízo, nesta reta final da Copa do Mundo.

NOS PÊNALTIS

Dos mais emocionantes foi o último encontro das quartas de final,  realizado às 16 horas de sábado,  entre Holanda e Costa Rica. Durante 120 minutos, a Holanda tentou de tudo. Tabelas pelo meio da área, jogadas em velocidade pelas pontas, bolas aéreas. Com Arjen Robben, Robin Van Persie e Wesley Sneijder comandando o ataque, a atual vice-campeã mundial carimbou três vezes a trave e parou meia dúzia de vezes no goleiro Keylor Navas. 
Após o zero a zero, no tempo regulamentar e na prorrogação, os litigantes foram às cobranças de penalidades máxima. O goleiro Tim Krul, que entrou no lugar de Jasper Cillessen nos minutos finais da prorrogação só para a eventualidade de pênaltis, defendeu duas cobranças, dando à Holanda a vitória por 4 a 3 em cima da Costa Rica e uma vaga nas semifinais da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014. Van Persie, Robben.

COPA DO MUNDO 2014 - JOGOS DA SEMI-FINAL

AMBOS OS JOGOS AS 17H00

ROTA DO SOL SEMANAL 07/07/2014 - ISSUU