img { max-width: 100%; height: auto; width: auto\9; /* ie8 */ }

Pesquisar este blog

quinta-feira, 1 de junho de 2017

FESTIVAL FOLCLÓRICO DE PARINTINS - UM EVENTO EMPOLGANTE NO CORAÇÃO DO AMAZONAS

O Festival Folclórico de Parintins, existe há mais de cem anos na cidade de Parintins, na arena criada somente para este evento, o Bumbódromo com capacidade para até 17 mil espectadores. É a maior manifestação cultural da Região Norte do Brasil e uma das mais importantes festas populares do País. Este ano, o evento acontecerá nos dias 30 deste junho, estendendo-se aos dias 1º e 2 de julho. 
Durante as três noites, os bois Garantido (vermelho) e Caprichoso (azul) se enfrentam na arena do Bumbódromo em um desafio de música (toadas), alegorias, lendas e ritos indígenas e dos demais povos que formam a região. Cada agremiação tem cerca de 3500 brincantes e o núcleo narrativo tem como base o Auto do Boi.
.A arena da disputa tem a forma da cabeça do boi e é separada pelas cores azul do Caprichoso e vermelho do Garantido. Os seus respectivos lados também apontam para o lado onde está localizado o Curral (uma espécie de QG) de cada boi.
A TRAMA - O enredo do boi bumbá é baseado na história de Pai Francisco e Mãe Catirina. Ela estava grávida e tinha o desejo de comer a língua do boi.  Pai Francisco,  temendo pela saúde do filho,  decide então sacrificar o boi mais bonito e favorito do seu amo (o dono da fazenda) para assim satisfazer a vontade de sua esposa. Temendo ser preso pelo que fez, pai Francisco decide pedir ajuda a um poderoso pajé de uma tribo indígena que era daquelas imediações. O pajé vem para ajudar Francisco e depois de muitas sessões de reza, o pajé é bem sucedido e revive o boi mais bonito do dono da fazenda.
O festival existe há mais de cem anos na cidade de Parintins, em pleno coração do Estado do Amazonas.  A arena foi criada somente para este evento, o Bumbódromo, com capacidade para até 17 mil espectadores.
Uma regra de grande importância é nas arquibancadas públicas na área do boi Caprichoso (lado azul), jamais se usam roupas de cores vermelhas ou que façam alusão ao boi contrário (Garantido) e vice-versa. Durante o evento não é possível se manifestar enquanto o contrário se apresenta, pois se perde pontos e os clientes passam constrangimentos diante do público.
AEROPORTO - O aeroporto Júlio Belém, em Parintins, a 365 quilômetros de Manaus, está com funcionamento diurno liberado pelos próximos 90 dias. A autorização está publicada no Diário Oficial da União da segunda-feira (29). O terminal da ilha estava operando apenas com voos noturnos. As viagens durante o dia estavam suspensas por causa do risco de acidentes com animais.
O diretor do aeroporto, Jean Jorge, garante que foi feita limpeza nos arredores do terminal para evitar aglomeração de bichos.
 É boa notícia para quem pretende visitar a ilha durante o 52º Festival de Parintins. A coordenadora de turismo do município, Karla Viana, fala da expectativa de público para os dias de festa. "Com a abertura do aeroporto a gente espera uma demanda de 10 a 20 mil pessoas entrando pelo aeroporto. Vai ser um fluxo de voos muito grande durante o dia, inclusive voos noturnos, a escala geralmente de um voo pro outro é de meia hora, 15 minutos.", adiantou. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário